É hora de se reconectar com a Natureza

A pandemia mostra que a nossa “normalidade” anterior nos estava a levar ao suicídio, observa o ensaísta Paul Kingsnorth
Somente entendendo como “deixámos de amar” a Terra (e aprendendo a amá-la novamente) podemos salvá-la.

A conclusão é simples: o vírus foi para o mundo contemporâneo um apelo – talvez o último – a abrir os olhos, um aviso das consequências do que dizemos ser “normal”. 
“Normal” é o desejo por telefones inteligentes, voos baratos, vida fácil e uma tecnocultura globalizada que mergulhou a Terra na maior extinção em massa em 60 milhões de anos . “Normal” são os incêndios, os oceanos vazios pela pesca e cheios de plástico, a escassez de água e a destruição da vida selvagem. Nesse ponto da história, “normal” é, na prática, suicídio.

Como chegámos aqui? A raiz da nossa crise ambiental não é a queima de combustíveis fósseis, nem um determinado sistema político ou económico. Em vez disso, é um problema de relacionamento. O nosso problema, para simplificar, é que deixámos de amar a natureza.

Serra da Estrela
“O nosso relacionamento com o resto da vida no planeta é como o de um casamento infeliz. Há muito tempo éramos jovens e estávamos apaixonados, agora quase não nos olhamos”

No entanto, como em qualquer relacionamento, o amor é a chave. Se não há amor, não há futuro. Não é uma ideia da moda mas, a “solução” para a crise ecológica não pode vir da política ou da ideologia. Temos que mudar sozinhos, cada um de nós. 
A mudança só pode ser construída de coração para coração.

Como conseguir isso? Bem, como em qualquer relacionamento humano, o amor vem com familiaridade. Não se ama alguém que não se conhece. Podemos passar o dia a discutir sobre as mudanças climáticas, podemos produzir documentos, podemos defender novos acordos ou sair às ruas com faixas. Mas nada disso mudará o nosso verdadeiro relacionamento individual com a natureza

Serra da Estrela

É necessária uma conexão pessoal com o mundo natural. Se o que amamos está a ser destruído, vamos querer que isso pare de acontecer. 

Não existe um “conserto” simples que vale para tudo, e qualquer um que o ofereça é uma fraude. Mas, se perguntar o que pode ser feito, do ponto de vista prático, para consertar essa relação novamente, eis algumas sugestões que podem parecer tão pequenas e simples: cultive alimentos, plante árvores, observe o passar das estações, aprenda onde as andorinhas e as abelhas constroem os seus ninhos, descubra novas espécies, recolha lixo, cuide dos prados e fertilize o solo, faça caminhadas, mas acima de tudo respeite a Natureza. 

Lembre-se que, no final de contas, saiba disso ou não, você precisa da natureza da mesma forma que um peixe precisa de água.  
Não podemos mudar o mundo mas podemos mudar os nossos corações.

Afinal, é assim que o mundo muda.

Hotéis Serra da Estrela

RESERVAS:
T: (+351) 289 009 400
E: book@lunahoteis.com

Fonte: https://elpais.com/ideas/2020-08-01/es-el-momento-de-reconectar-con-la-naturaleza.html?event_log=go&o=cerrado
Fotografias exclusivas Turistrela ®

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create your website at WordPress.com
Iniciar
%d bloggers like this: